SEMED e AAFCP renovam projeto de incentivo à educação ambiental nas escolas de Macapá | O que fazer em Macapá?

SEMED e AAFCP renovam projeto de incentivo à educação ambiental nas escolas de Macapá

 

O termo de cooperação entre a SEMED e a AAFCP assinado em 10/06/19, é um reforço na parceria existente desde 2012 entre as duas instituições, a qual possibilitou a realização do Inventario de Folias Religiosas do Amapá, e agora trás como proposta a inserção dos conhecimentos adquiridos na realização da pesquisa no processo pedagógico.

A Associação Amapaense de Folclore e Cultura Popular é uma entidade da sociedade civil, sem fins lucrativos, criada em 2007 com a finalidade de incentivar e realizar estudos e pesquisas destinados ao fortalecimento do folclore e das culturas populares no Amapá e ao desenvolvimento das comunidades, sobretudo as tradicionais. Atua nas áreas da cultura, do meio ambiente e do turismo de base comunitária.

Uma das ações promovidas pela instituição é o Inventário de Folias Religiosas do Amapá, estudo iniciado em 2010, que identificou e registrou um conjunto de festas que preservam uma tradicional prática cultural, as folias religiosas, no interior do Amapá.  Esse trabalho também foi possível devido à criação do Ponto de Cultura “Povo de Fé e de Festa”, em 2012, através de convênio com a Secretaria de Cultura do Estado do Amapá, e financiado pelo Ministério da Cultura, Programa Mais Cultura.

Em 2017, concorrendo com 294 propostas de todo o Brasil, o Inventário de Folias Religiosas do Amapá, foi contemplada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN, com o Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade, como iniciativa de excelência na salvaguarda do patrimônio cultural brasileiro, sendo a única instituição da sociedade civil da Amazônia.

A partir desses resultados, as instituições objetivam aplicar na rede de ensino municipal de Macapá, atingindo inicialmente duas escolas: EMEF Fortaleza, localizada na Área de Proteção Ambiental da Fazendinha e EMEF Gerson Trindade, situada nas proximidades do KM 09, da rodovia AP-20, em conformidade com os princípios metodológicos da Educação Patrimonial e Educação Ambiental.  Com essa primeira iniciativa pretende-se atender cerca de cem (100) crianças com atividades que fortalecem habilidades fundamentais como o observar, registrar, analisar e apresentar propostas de soluções de problemas, referentes à sustentabilidade do meio ambiente e do patrimônio cultural.

E, para tornar o processo pedagógico mais atraente para as crianças, o turismo foi escolhido como fio condutor. O turismo é, pois, atualmente uma área de grande importância na economia de muitos países, com capacidade para promover e valorizar o meio ambiente natural e cultural e que também pode ser um valioso instrumento para o trabalho com crianças e adolescentes, inseridas no sistema escolar, no sentido de despertar e desenvolver a sensibilidade em relação ao patrimônio cultural e ambiental das comunidades. Assim o Projeto “Acolher” de turismo escolar é uma iniciativa da ASSOCIAÇÃO AMAPAENSE DE FOLCLORE E CULTURA POPULAR em parceria com a SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE MACAPÁ, com o propósito de trabalhar noções de cuidado com o espaço e as pessoas; de sustentabilidade na relação do espaço / tempo, do aqui /agora, do local com o global, de recepção e acolhimento de outros.

 

/As mais lidas

[pro_ad_display_adzone id=458]
[pro_ad_display_adzone id=463]

FIQUE
 POR DENTRO

Assine e receba as novidades do Amapá por e-mail toda semana. 
Simples, rápido e gratuito.

/Gastronomia

Veja mais

/Cinema

Veja mais